Pular para o conteúdo

Suplementação de Ferro

A anemia por deficiência de ferro é um problema de saúde comum e pode afetar a qualidade de vida de quem sofre com essa condição. Neste artigo, vamos explorar como tomar ferro corretamente para tratar a anemia por deficiência de ferro. Vamos abordar também algumas dicas e informações úteis para garantir uma eficácia maior no tratamento.

ANEMIA SUPLEMENTO DE FERRO 4 1

Entendendo a Anemia por Deficiência de Ferro

A anemia por deficiência de ferro ocorre quando o corpo não possui ferro suficiente para produzir hemoglobina, a proteína responsável por transportar o oxigênio pelo corpo. Isso pode levar a sintomas como fadiga, fraqueza, dificuldade de concentração, queda de cabelo e unhas fracas.

“A anemia por deficiência de ferro pode afetar seriamente sua qualidade de vida. Aprenda a tomar ferro corretamente e recupere sua energia e vitalidade.”

Suplementação de Ferro: Como Tomar

Muitas vezes, sintomas como fadiga, cansaço e palpitações são atribuídos erroneamente a problemas cardíacos, quando na verdade podem ser sinais de deficiência de ferro.

Lembre-se, tão importante quanto tratar a anemia, é descobrir o que causou a queda no ferro ou ferritina.

Antes de iniciar o tratamento, é importante consultar um médico para obter uma recomendação adequada. No entanto, aqui estão algumas dicas gerais sobre como tomar ferro para tratar a anemia por deficiência de ferro:

ANEMIA SUPLEMENTO DE FERRO 1 1

Tipos de Suplementos de Ferro

Existem diferentes tipos de suplementos de ferro disponíveis no mercado. Os mais comuns são:

Tipo de SuplementoVantagensDesvantagens
Ferroso SulfatoMais barato e amplamente disponívelMaior chance de efeitos colaterais gastrointestinais
Ferroso GluconatoMenos efeitos colateraisMenor teor de ferro elementar
Ferroso FumaratoMaior teor de ferro elementarPode ser mais difícil de encontrar
Bisglicinato Ferroso (Ferro Quelato)Alta biodisponibilidade e menor interação com alimentosPode ser mais caro que outras opções
NoriPurum FerripolimaltoseBoa tolerabilidade e alta biodisponibilidadePreço pode ser superior a outras opções

Esta tabela comparativa apresenta as principais características dos diferentes tipos de suplementos de ferro disponíveis no mercado, incluindo o bisglicinato ferroso (ferro quelato) e o NoriPurum ferripolimaltose. É importante lembrar que a escolha do suplemento de ferro mais adequado deve ser baseada nas necessidades individuais de cada paciente e nas orientações de um profissional de saúde qualificado.

ANEMIA SUPLEMENTO DE FERRO 2 1

Ferro Quelato – Bisglicinato Ferroso

O bisglicinato ferroso, também conhecido como ferro quelato, é uma forma de suplemento de ferro que se destaca pela sua alta biodisponibilidade e menor incidência de efeitos colaterais gastrointestinais em comparação com outras formas de suplementos de ferro.

Características do Bisglicinato Ferroso

O bisglicinato ferroso é um composto de ferro ligado a duas moléculas de glicina, formando uma estrutura conhecida como quelato. Essa estrutura permite uma absorção mais eficiente do ferro pelo organismo e reduz a interação do ferro com outros componentes da dieta, melhorando sua biodisponibilidade.

Vantagens do Ferro Quelato

As principais vantagens do bisglicinato ferroso em relação a outras formas de suplementos de ferro incluem:

  1. Maior biodisponibilidade: O ferro quelato tem uma taxa de absorção mais alta que outras formas de ferro, o que pode levar a uma resposta mais rápida e eficaz no tratamento da anemia por deficiência de ferro.
  2. Menor incidência de efeitos colaterais: O bisglicinato ferroso costuma causar menos efeitos colaterais gastrointestinais, como náuseas, dores de estômago e constipação, em comparação com outras formas de suplementos de ferro, como o sulfato ferroso.
  3. Menor interação com alimentos: O ferro quelato é menos afetado pela presença de alimentos e substâncias que podem inibir a absorção de ferro, como cálcio e fitatos, tornando a suplementação mais eficiente mesmo quando consumida junto às refeições.

Considerações ao Tomar Bisglicinato Ferroso (Ferro Quelato)

Embora o bisglicinato ferroso apresente várias vantagens, é importante consultar um médico antes de iniciar a suplementação, pois a dose e a duração do tratamento devem ser personalizadas de acordo com a necessidade individual de cada paciente. Além disso, o ferro quelato pode ser mais caro que outras formas de suplementos de ferro, portanto, é importante avaliar a relação custo-benefício ao escolher a melhor opção para tratar a anemia por deficiência de ferro.

Onde encontrar Ferro Quelato?

q? encoding=UTF8&ASIN=B000WQDD2O&Format= SL160 &ID=AsinImage&MarketPlace=BR&ServiceVersion=20070822&WS=1&tag=rafael1000a 20&language=pt BRir?t=rafael1000a 20&language=pt BR&l=li2&o=33&a=B000WQDD2O

https://amzn.to/3WJqV50

ANEMIA SUPLEMENTO DE FERRO 3 1

Noripurum Ferripolimaltose

O NoriPurum é um suplemento de ferro à base de ferripolimaltose, uma forma de ferro complexado com polimaltose, um polímero de maltose. A ferripolimaltose é conhecida por sua boa tolerabilidade e alta biodisponibilidade, sendo uma opção eficaz para o tratamento da anemia por deficiência de ferro.

Características da Ferripolimaltose

A ferripolimaltose é um complexo macromolecular de ferro (III) hidróxido e polimaltose. Essa combinação resulta em uma estrutura estável e solúvel em água, o que facilita a absorção do ferro pelo organismo e minimiza a interação com outros componentes da dieta.

Vantagens do NoriPurum Ferripolimaltose

As principais vantagens do NoriPurum ferripolimaltose em relação a outras formas de suplementos de ferro incluem:

  1. Alta biodisponibilidade: A ferripolimaltose apresenta uma absorção eficiente de ferro, o que pode levar a uma resposta mais rápida e eficaz no tratamento da anemia por deficiência de ferro.
  2. Boa tolerabilidade: O NoriPurum ferripolimaltose costuma causar menos efeitos colaterais gastrointestinais, como náuseas, dores de estômago e constipação, em comparação com outras formas de suplementos de ferro, como o sulfato ferroso.
  3. Menor interação com alimentos: A ferripolimaltose é menos afetada pela presença de alimentos e substâncias que podem inibir a absorção de ferro, como cálcio e fitatos, tornando a suplementação mais eficiente mesmo quando consumida junto às refeições.

Considerações ao Tomar NoriPurum Ferripolimaltose

Antes de iniciar o tratamento com NoriPurum ferripolimaltose, é importante consultar um médico para avaliar a necessidade de suplementação e obter a recomendação de dose adequada. Embora a ferripolimaltose seja geralmente bem tolerada, é fundamental seguir as orientações médicas e monitorar possíveis efeitos colaterais ou interações medicamentosas.

O NoriPurum ferripolimaltose pode ser uma opção eficiente e segura para o tratamento da anemia por deficiência de ferro. No entanto, é importante lembrar que a escolha do suplemento de ferro mais adequado deve ser baseada nas necessidades individuais de cada paciente e nas orientações de um profissional de saúde qualificado.

Dicas para Tomar Suplementos de Ferro

  1. Dose adequada: A dose de ferro varia de acordo com a idade, sexo e necessidades individuais. É importante seguir as recomendações do médico e ler as instruções do fabricante.
  2. Tomar com o estômago vazio: Para aumentar a absorção de ferro, tome o suplemento com o estômago vazio, pelo menos 1 hora antes ou 2 horas após as refeições.
  3. Evitar interações: Alguns alimentos e medicamentos podem reduzir a absorção de ferro. Evite consumir laticínios, café, chá e antiácidos nas 2 horas anteriores e posteriores à ingestão do suplemento.
  4. Aumentar a absorção com vitamina C: A vitamina C aumenta a absorção de ferro. Consuma alimentos ricos em vitamina C ou um suplemento de vitamina C junto com o ferro.

Reposição de Ferro em Dias Alternados

Estudos recentes têm demonstrado que a reposição de ferro em dias alternados (dia sim, dia não) pode ser uma estratégia eficaz e vantajosa no tratamento da anemia por deficiência de ferro. A administração de suplementos de ferro nessa frequência pode ajudar a manter a absorção em níveis adequados, reduzir efeitos colaterais e proporcionar economia financeira.

Benefícios da Reposição de Ferro em Dias Alternados

  1. Manutenção da absorção adequada: Alguns estudos sugerem que tomar suplementos de ferro todos os dias pode levar o organismo a desenvolver tolerância, resultando em uma redução da absorção do ferro. Tomar o suplemento em dias alternados pode ajudar a evitar essa tolerância e manter a absorção em níveis adequados.
  2. Economia financeira: A administração de suplementos de ferro em dias alternados pode resultar em uma economia de custos, já que a quantidade de suplemento consumida será menor ao longo do tratamento.
  3. Menos enjoativo: Tomar suplementos de ferro, como o NoriPurum mastigável, todos os dias pode tornar-se enjoativo para alguns pacientes. A administração em dias alternados pode tornar a experiência menos desagradável.
  4. Menos efeitos colaterais: A reposição de ferro em dias alternados pode reduzir a incidência de efeitos colaterais gastrointestinais, como náuseas, dores de estômago e constipação, tornando o tratamento mais confortável para o paciente.

Tabela Comparativa: Reposição Diária de Ferro vs. Reposição em Dias Alternados

AspectoReposição Diária de FerroReposição de Ferro em Dias Alternados
Absorção de FerroPode diminuir ao longo do tempo devido à tolerância desenvolvida pelo organismoPossível manutenção de níveis adequados de absorção, sem desenvolver tolerância
Economia FinanceiraMaior custo, pois consome mais suplemento ao longo do tratamentoMenor custo, devido à menor quantidade de suplemento consumida
Experiência do PacientePode se tornar enjoativo tomar o suplemento todos os diasMenos enjoativo, pois o suplemento é tomado em dias alternados
Efeitos ColateraisMaior incidência de efeitos colaterais gastrointestinaisPossível redução de efeitos colaterais gastrointestinais

Esta tabela comparativa apresenta as principais diferenças entre a reposição diária de ferro e a reposição em dias alternados. É importante lembrar que a escolha da estratégia de tratamento deve ser baseada nas necessidades individuais de cada paciente e nas orientações de um profissional de saúde qualificado.

Quantidade de Ferro Elementar em Compostos Comuns

A quantidade de ferro elementar presente em cada composto de ferro varia e é importante considerar essa informação ao escolher o suplemento adequado. A necessidade diária de ferro alimentar também varia de acordo com a idade, sexo e condição de saúde de cada indivíduo.

  1. Ferroso Sulfato: aproximadamente 20% de ferro elementar.
  2. Ferroso Gluconato: aproximadamente 12% de ferro elementar.
  3. Ferroso Fumarato: aproximadamente 33% de ferro elementar.
  4. Bisglicinato Ferroso (Ferro Quelato): aproximadamente 20-25% de ferro elementar.
  5. Ferripolimaltose (NoriPurum): a quantidade de ferro elementar pode variar dependendo da formulação, mas geralmente é em torno de 50 mg por comprimido mastigável.

Estimativa da Necessidade Diária de Ferro Alimentar

As necessidades diárias de ferro alimentar variam de acordo com a idade, sexo e condição de saúde de cada pessoa. Algumas recomendações gerais incluem:

  1. Bebês (7-12 meses): 11 mg/dia.
  2. Crianças (1-3 anos): 7 mg/dia.
  3. Crianças (4-8 anos): 10 mg/dia.
  4. Crianças (9-13 anos): 8 mg/dia.
  5. Homens (14-18 anos): 11 mg/dia.
  6. Mulheres (14-18 anos): 15 mg/dia.
  7. Homens (19-50 anos): 8 mg/dia.
  8. Mulheres (19-50 anos): 18 mg/dia (27 mg/dia durante a gravidez e 9 mg/dia durante a lactação).
  9. Adultos acima de 51 anos: 8 mg/dia.

É fundamental consultar um profissional de saúde qualificado para avaliar as necessidades individuais de ferro e determinar a suplementação adequada, se necessário. As necessidades de ferro podem variar devido a fatores como dieta, absorção e condições médicas específicas.

Estimativa da dose diária

Sulfato Ferroso

A posologia do sulfato ferroso pode variar dependendo da formulação, da gravidade da anemia e da idade do paciente. Geralmente, a dose recomendada para adultos é de 1 a 2 comprimidos (contendo aproximadamente 60-120 mg de ferro elementar) tomados 2 a 3 vezes ao dia. Para crianças, a dose é geralmente ajustada de acordo com o peso e a idade, e um médico deve ser consultado para determinar a dose correta.

NoriPurum (Ferripolimaltose)

A posologia do NoriPurum também pode variar de acordo com a formulação, a gravidade da anemia e a idade do paciente. A dose recomendada para adultos é de 1 comprimido mastigável (contendo aproximadamente 50 mg de ferro elementar) tomado 1 a 3 vezes ao dia, dependendo da necessidade individual de ferro. Para crianças, a dose é geralmente ajustada de acordo com o peso e a idade, e um médico deve ser consultado para determinar a dose correta.

Lembre-se de que estas são informações gerais e a posologia adequada para cada paciente deve ser sempre determinada por um profissional de saúde qualificado. Além disso, siga sempre as instruções da bula e as orientações do médico para garantir o uso seguro e eficaz do medicamento ou suplemento.

Estimativa da Posologia do Bisglicinato Ferroso (Ferro Quelato)

O bisglicinato ferroso, também conhecido como ferro quelato, é um tipo de suplemento de ferro amplamente utilizado no tratamento da anemia por deficiência de ferro. Ele é conhecido por sua alta biodisponibilidade e menor incidência de efeitos colaterais em comparação com outros suplementos de ferro.

Estimativa de Posologia:

A dosagem de bisglicinato ferroso pode variar dependendo da gravidade da deficiência de ferro, da idade do paciente e de outros fatores individuais. No entanto, a título informativo, a posologia estimada pode ser de:

  • Bisglicinato ferroso 18mg: 1 a 3 cápsulas por dia, em dias alternados.
  • Bisglicinato ferroso 34mg: 1 a 2 cápsulas por dia, em dias alternados.

É essencial lembrar que esta é apenas uma estimativa e a dosagem correta deve ser determinada por um médico ou profissional de saúde qualificado.

ANEMIA 4

Fatores que Diminuem a Absorção de Ferro

Embora o ferro seja um nutriente vital para o corpo humano, existem vários fatores que podem afetar negativamente sua absorção. Aqui estão alguns dos mais comuns:

1. Substâncias Inibidoras:

Algumas substâncias podem inibir a absorção de ferro, incluindo:

  • Cálcio: Presente em alimentos como leite, queijo e iogurte. Por exemplo, se você tomar o suplemento de ferro com um copo de leite, a absorção de ferro pode ser reduzida.
  • Taninos: Encontrados em chá preto e vinho tinto. Portanto, beber uma xícara de chá preto logo após tomar o suplemento de ferro pode interferir na absorção do ferro.
  • Fitatos: Estes são encontrados em grãos integrais, leguminosas e algumas sementes. Por exemplo, uma refeição rica em lentilhas e grãos integrais pode reduzir a absorção do suplemento de ferro.

2. Consumo de Alimentos com Baixo Teor de Ferro:

Uma dieta com baixo teor de ferro pode levar a uma menor absorção deste mineral. Alimentos ricos em ferro incluem carnes vermelhas, frutas secas, leguminosas e folhas verdes escuras.

3. Problemas de Saúde:

Certas condições de saúde podem prejudicar a absorção de ferro, incluindo doença celíaca, doença inflamatória intestinal e certas cirurgias gástricas.

É importante ter em mente que, enquanto esses fatores podem reduzir a absorção de ferro, eles não devem necessariamente impedir a ingestão de suplementos de ferro. Se você está preocupado com a absorção de ferro, é recomendável consultar um profissional de saúde para aconselhamento personalizado.

ANEMIA 3

Alimentos de Origem Animal Ricos em Ferro

O ferro é um nutriente essencial que desempenha um papel crucial em muitas funções corporais, incluindo o transporte de oxigênio no corpo. Aqui estão sete alimentos de origem animal que são especialmente ricos em ferro:

AlimentoQuantidade de Ferro por 100g
Fígado de boi6.5mg
Carne de frango1.5mg
Ostras9mg
Atum1.5mg
Carne de porco1.1mg
Ovos1.2mg
Contrafilé2.0mg

Os alimentos de origem animal fornecem ferro na forma de heme, que é mais facilmente absorvido pelo corpo em comparação com o ferro não heme encontrado em alimentos de origem vegetal. No entanto, é sempre importante ter uma dieta equilibrada e variada para garantir que você esteja obtendo todos os nutrientes necessários.

Alimentos de Origem Vegetal Ricos em Ferro

A ingestão de ferro é crucial para várias funções corporais, incluindo a produção de glóbulos vermelhos. Aqui estão sete alimentos de origem vegetal que são especialmente ricos em ferro:

AlimentoQuantidade de Ferro por 100g
Lentilhas3.3mg
Tofu2.7mg
Espinafre cozido3.6mg
Feijão preto8.7mg
Aveia4.7mg
Sementes de abóbora3.3mg
Quinoa2.8mg

Alimentos de Origem Vegetal Ricos em Ferro

Os alimentos de origem vegetal fornecem ferro na forma de não-heme, que é absorvido de forma menos eficiente pelo corpo em comparação com o ferro heme encontrado em alimentos de origem animal. No entanto, a absorção do ferro não-heme pode ser aumentada ao consumir estes alimentos junto com uma fonte de vitamina C, como frutas cítricas, pimentões, ou morangos.

AlimentoQuantidade de Ferro por 100g
Lentilhas3.3mg
Tofu2.7mg
Espinafre cozido3.6mg
Feijão preto8.7mg
Aveia4.7mg
Sementes de abóbora3.3mg
Quinoa2.8mg
ANEMIA 2

Alimentos que Podem Diminuir a Absorção de Ferro

Aqui está uma lista de alimentos e substâncias que podem inibir a absorção de ferro:

  1. Lácteos: O cálcio encontrado nos produtos lácteos como leite, queijo e iogurte pode diminuir a absorção de ferro.
  2. Chá e Café: Ambos contêm taninos, que são compostos polifenólicos que podem interferir na absorção de ferro.
  3. Cereais Integrais: Enquanto são saudáveis e nutritivos, os cereais integrais contêm fitatos que podem inibir a absorção de ferro.
  4. Leguminosas: Feijões, lentilhas e soja também são ricos em fitatos.
  5. Alimentos Ricos em Oxalatos: Espinafre, acelga, beterraba e chocolate contêm oxalatos, que podem interferir na absorção de ferro.
  6. Alimentos Ricos em Fibras: Alimentos como farelo de trigo podem reduzir a absorção de ferro.
  7. Ovos: Avidina, uma proteína presente nos ovos, pode diminuir a absorção de ferro.
ANEMIA SUPLEMENTO DE FERRO 5 1

Considerações Importantes

Embora a reposição de ferro em dias alternados possa apresentar várias vantagens, é essencial consultar um médico antes de iniciar essa abordagem. A escolha da estratégia de tratamento e a dose adequada devem ser personalizadas de acordo com as necessidades individuais de cada paciente e considerando as orientações de um profissional de saúde qualificado.

FAQs

1. O que é anemia por deficiência de ferro?

A anemia por deficiência de ferro é uma condição médica que ocorre quando o corpo não tem ferro suficiente, levando a um número reduzido de células vermelhas saudáveis ou a hemoglobina insuficiente dentro dessas células.

Lembre-se que é sempre importante manter uma dieta equilibrada e saudável. Se você está preocupado com a absorção de ferro, é melhor procurar o conselho de um profissional de saúde ou nutricionista.

2. Quais são os diferentes tipos de suplementos de ferro?

Os tipos de suplementos de ferro incluem:

  1. Sulfato ferroso
  2. Fumarato ferroso
  3. Gluconato ferroso
  4. Bisglicinato ferroso (ferro quelato)
  5. NoriPurum (ferripolimaltose)

3. Como a posologia dos suplementos de ferro é determinada?

A posologia dos suplementos de ferro é determinada por vários fatores, incluindo a gravidade da deficiência de ferro, a idade do paciente, e a resposta do paciente ao tratamento.

FatoresExplicação
Gravidade da deficiênciaA dosagem pode ser maior se a deficiência de ferro for severa.
IdadeCrianças geralmente requerem doses diferentes em comparação com os adultos.
Resposta ao tratamentoA dosagem pode ser ajustada com base em como o corpo responde ao suplemento.

4. O que pode afetar a absorção de ferro?

Vários fatores podem afetar a absorção de ferro, incluindo:

  1. Horário da ingestão do suplemento
  2. Presença de frutas cítricas ou vitamina C
  3. Consumo de alimentos ou substâncias que podem inibir a absorção, como cálcio, taninos e fitatos.

5. O que são estratégias atuais para a reposição de ferro?

Uma estratégia atual para a reposição de ferro envolve tomar suplementos de ferro em dias alternados em vez de diariamente. Isso pode ajudar a manter a absorção de ferro em níveis adequados e pode reduzir os efeitos colaterais, além de ser potencialmente mais econômico.

ANEMIA 1

Conclusão

Tratar a anemia por deficiência de ferro é fundamental para melhorar a qualidade de vida das pessoas afetadas por essa condição. Seguir as orientações médicas e adotar as dicas mencionadas neste artigo podem ajudar a garantir um tratamento eficaz e seguro. Lembre-se sempre de consultar um profissional de saúde antes de iniciar qualquer tratamento e manter uma comunicação aberta com o médico durante o processo.

Índice

4.3 3 Votos
Vote
Inscreva
Notifique por
guest
6 Comentários
Comentários em linha
Ver todos os comentários
trackback

[…] sempre consultar um médico ou profissional de saúde antes de iniciar qualquer suplementação, especialmente se tiver condições médicas preexistentes ou estiver tomando medicamentos […]

trackback

[…] Ferritina e Saturação de Transferrina: avaliação de sobrecarga de ferro. […]

trackback

[…] Suplementação de Ferro Suplementos Nutricionais – Efeitos de desempenho, risco e benefícios […]

Pedro Luiz
Pedro Luiz
6 dias atrás

Entendi que há alimentos ricos em ferro que devem ser consumidos individualmente, pois se consumidos com outros igualmente ricos em ferro, a absorção deste elemento será prejudicada. É isso?

Pedro Luiz
Pedro Luiz
21 horas atrás

Muito obrigado Dr. Rafael. Suas explicações foram de muito conteúdo e fácil entendimento.

imagem representado as letras do magnésio da tabela periódica

Quais as diferenças entre os tipos de magnésio?

Este artigo explora as diferenças entre os diversos tipos de magnésio (quelado, orgânico, inorgânico e outros) e fornece informações sobre como escolher o tipo mais adequado às necessidades individuais, considerando aspectos como biodisponibilidade, tolerância digestiva e condições de saúde específicas.

Ver artigo
6
0
Deixe seu comentáriox